APRENDIZAGEM BASEADA EM PROBLEMAS E ENSINO EXPOSITIVO: UM ESTUDO COMPARATIVO

Sara Moutinho, Joana Torres, Clara Vasconcelos

Resumo


Este trabalho teve como objetivo comparar a ABP e o ensino expositivo relativamente à construção e retenção do conhecimento. O estudo seguiu uma metodologia de investigação quasi-experimental com uma seleção não-aleatória de participantes. Foi sido aplicado um teste cognitivo em duas fases diferentes, a fase I após o término do programa de intervenção e, outra, a fase II, três meses depois. Os resultados mostram que os alunos do grupo experimental melhoram a retenção do conhecimento da fase I para a fase II, algo que não sucedeu com o grupo de controlo. Este estudo permitiu demonstrar que a introdução da ABP no ensino de Ciências Naturais não afeta negativamente o sucesso escolar e, em comparação com o ensino expositivo, promove uma maior retenção do conhecimento.


Palavras-chave


aprendizagem baseada em problemas, ensino expositivo, metodologia de ensino, estudo quasi-experimental, ciências naturais.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Eletrônica Debates em Educação Científica e Tecnológica

ISSN: 2236-2150 (Eletrônica)

ISSN: 2179-6955 (Impresso)  

 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.